Hidronefrose

Os rins estão constantemente produzindo urina, e esta urina produzida pelo parênquima renal é coletada em um sistema de tubulações denominado sistema coletor. Entende-se por hidronefrose a dilatação do sistema coletor do rim. Isto ocorre quando a urina não drena de forma adequada do rim para a bexiga. Pode ser decorrente de uma obstrução ou por refluxo de urina da bexiga para os ureteres e para os rins. Pode ocorrer em um dos rins ou em ambos.

A hidronefrose pode ou não levar a sintomas. Quando há sintomas, tipicamente são os sintomas de cólica renal. Ocorre dor em região lombar (nas costas), eventualmente no abdômen ou na região inguinal. Pode ocorrer sintomas relacionados a dificuldade para urinar, sangramento na urina ou infecção do rim dilatado. Os sintomas dependem da causa e do que está causando a obstrução na via urinária.

Geralmente a hidronefrose é causada por alguma doença ou condição. Causas de hidronefrose podem ser:

Cálculo renal
Cálculo ureteral
Defeito congênito causando estreitamento (estenose)
Coágulos de sangue
Tumores ou câncer de bexiga
Tumores ou câncer de vias urinárias
Tumores ou câncer abominal que comprimem o ureter (intestino, útero, próstata)
Cicatrizes (estenoses) por cirurgias prévias
Hiperplasia da próstata
Gravidez
Infecção urinária

Como se faz o diagnóstico de hidronefrose?
Hidronefrose pode ser detectada através de exames como ultra-sonografia, tomografia computadorizada ou ressonância magnética. Eventualmente pode ser necessária a realização de uma cistoscopia, ou endoscopia da bexiga. Exames de laboratório adicionais podem ser necessários.

Como se trata?
Deve-se inicialmente saber a causa da hidronefrose. O tratamento será direcionado para a causa. Situações que requerem uma especial atenção, são os quadros urgênciais que podem estar associados a esta condição. Neste contexto, a ocorrência de insuficiência renal (parada do funcionamento dos rins), bem como a ocorrência de infecções associadas a hidronefrose, necessitam de um tratamento imediato.